sábado, 22 de julho de 2017

, ,

Perplexos, mas não desanimados.

COMPARTILHE

Quando olhamos para a situação que nossos irmãos estão passando em países onde ser cristão é considerado crime ou pode custar sua vida, percebemos o quanto somos abençoados, mas também vemos a fé e convicção nos olhos desses guerreiros que todo dia enfrenta a perseguição e ainda se mantém firme nas promessas de Deus, olhamos para uma criança nigeriana e vemos o brilho de esperança, quando olhamos para uma idosa que viu o seu esposo morrer na sua frente porque  confessou que Jesus é o Senhor, confirmamos que a mensagem da cruz está viva e nem ateus, nem qualquer outra pessoa no universo tem como negar a existência de um Deus, já que o número de cristão que morrem todos os dias por causa de Jesus é muito grande e ninguém morreria por alguém que nunca existiu e somente aqueles que sentiu a tensão do momento sabe o que realmente é amar a Cristo a ponto de usar as mesmas palavra do Apostolo Paulo ‘ Viver pra mim é Cristo, morrer é lucro’.

Louvo a Deus pela vida de cada cristão desse universo, especialmente os que estão sofrendo perseguição e nesse momento estão longe de seus familiares e vivendo escondido, mas não tem negado o nome do Senhor Jesus, neste momento oro pela vida deles e peço a Deus que continue enviando força e aumentando sua fé e que todos nos possamos lembrar que as dificuldades dessa vida não pode de jeito nenhum nos separar do amor de Cristo, nem a morte ou nada parecido, estamos livres em Cristo.

Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados.
2 Coríntios 4:8
Oremos pela Igreja Perseguida no Mundo.
Por Rinaldo Ribeiro
Geração Jovem.com

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Se Jesus voltasse hoje você subiria?