domingo, 11 de dezembro de 2016

4 atitudes de quem espera a volta de Jesus.

A primeira fase da volta de Jesus para buscar a sua igreja, integrada pelos crentes fiéis  e santos, será tão repentina que não haverá tempo para ninguém preparar-se de última hora. E como estamos vendo os sinais na terra da volta de Jesus, escolhemos pelo menos quatros atitudes que o crente deve ter para que no grande dia possa ouvir o som da trombeta.

1. Esperar com Vigilância

É por isso que na sabemos nem o dia nem a hora que Jesus vai raiar nas nuvens, se soubéssemos deixaríamos tudo para os últimos dias, mas ninguém sabe e é por isso que a palavra de Deus nos ensina a estarmos vigilante quanto ao dia do Senhor. Precisamos está vigilante tanto ao que acontece ao nosso redor, como por dentro de si próprio.

A maioria absoluta dos crentes que ficarão para trás na volta de Jesus deixará de ir para os céus por causa de suas atitudes erradas, de sua conduta em desacordo com a vontade de Deus, expressa em sua palavra. Por isso que precisamos está atentos para que não estamos desapercebido no dia do arrebatamento, sempre lembrando que Jesus pode voltar a qualquer momento.


2. Viver na unção do Espírito Santo
O azeite simboliza a presença de Deus e o povo de Deus deve ter azeites em suas vasilhas como também reservas como as cinco virgens prudentes (Mt 25) Nas igrejas em geral, há um esfriamento quanto à busca do batismo com o Espírito Santo, que corresponde à “reserva” indispensável para esperar com segurança a volta de Jesus. Sem a presença do Espírito Santo, no crente,  e na sua vida, é impossível esperar a vinda de Jesus de forma correta. Precisamos ser cheios do Espírito Santo e colocar em prática os frutos do Espírito que está em Gálatas 5.

3. Viver em Santidade
A palavra santidade tem entrado em extinção em muitas igrejas no mundo, o que observamos são líderes inventando coisas novas e que chame a atenção das pessoas e esquecem de pregar o evangelho genuíno. O evangelho do entretenimento tem suplantado o evangelho do sofrimento de Cristo. Mas a palavra de Deus é bem quando diz que sem santificação ninguém verá a Deus.  Ser santo é ser consagrado, separado para Deus.  Santificação é uma necessidade imperiosa de separação de tudo o que a Bíblia condena e não o que certos líderes elegem como pecado, sem qualquer fundamento bíblico, portanto leia a palavra para não ser enganados pelos lobos desse século.

4. Esperando com Amor
A marca de um cristão não a denominação que ele faz parte, nem o cargo na igreja ou nome da família, mas o amor de Deus na prática diária. Jesus disse em um de seus discursos que é pra amarmos uns ao outros como a nos mesmo. Segundo dados do IBGE a estatística de evangélicos gira em torno de 25% da população (aproximadamente 52 milhões de pessoas). No entanto vemos uma briga entre pastores e fieis esquecendo que a igreja deve pregar primeiramente o amor e isso independente de costumes e denominações, existe muitos crentes que brigam por causa de doutrinas que as vezes nem bíblica é. Nesses últimos dias o povo de Deus deve se unir, como o igreja santa do Senhor para ouvir o som da trombeta no grande dia do Senhor.


Por Rinaldo Ribeiro
Geração Jovem
Fonte de Pesquisa: O Final de todas as coisas.

SOBRE O AUTOR

Rinaldo Ribeiro

Colunista & Editor

Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido [...]" 1 Pedro 2:9a.

Postar um comentário

 
Geração Jovem - Site Oficial © 2017 - Vamos Mudar o Mundo. Todos os direitos Reservados - Fornecido por CC
PageRank