sábado, 9 de agosto de 2014

,

Pastor chama arca do Templo de Salomão de “Arca da Ganância”.

COMPARTILHE
O Templo de Salomão tem diversos símbolos judaicos, tanto dentro como fora do templo. Durante a inauguração, que aconteceu no dia 31 de julho, o símbolo de maior representatividade teve uma entrada triunfal.
A Arca da Aliança foi levada por seis homens vestidos de brancos e chamados de sacerdotes, que são bispos da Igreja Universal do Reino de Deus. Eles carregaram o objeto de ouro da igreja que a IURD mantém no bairro do Brás há mais de 20 anos até o templo novo, caminhando sob um tapete vermelho.
O pastor presbiteriano Leandro Lima comentou sobre o símbolo criticando o uso da Arca da Aliança e chamando a arca da Igreja Universal de a “Arca da Ganância”. “O objeto era o mais sagrado do antigo templo de Israel, representava a presença de Deus na Velha Aliança”, lembrou.
“Com a primeira destruição do templo no século 6 a.C., a arca se perdeu, talvez tenha sido levada para Babilônia e derretida. Só o Indiana Jones no cinema conseguiu encontrá-la”, ironizou o reverendo.
Para Lima o templo e os símbolos dele possuem apenas uma intenção: mercadológica. “Se chamei o templo do Macedo de ‘aberração’, preciso chamar essa arca de ‘abominação’ (Is 44.19). Sim, pois trata-se de um objeto da mais pura e terrível idolatria”, disse.
Um dos problemas encontrados pelo pastor é que as pessoas sem discernimento acreditarão que encontrarão ali o milagre e tem mais: “o grande problema é justamente abandonar o verdadeiro Cristo por objetos feitos por mãos”.
Leandro Lima falou também de Jeremias 3.16 que fala que o povo não se lembraria mais da Arca da Aliança, que não sentirão falta dela e quem farão outra.

Reverendo foi criticado por falar contra o Templo de Salomão

Dias antes de postar este texto sobre a Arca da Aliança, o pastor Leandro Lima escreveu em seu Facebook sobre o Templo de Salomão, afirmando que a obra é uma aberração no quesito teológico por recriar um templo que Deus queria destruído.
Sua postagem teve grande repercussão na rede social e ele recebeu muitas críticas, internautas que frequentam a Igreja Universal do Reino de Deus chegaram a dizer que o reverendo presbiteriano estava com inveja e que não poderia falar contra uma igreja para não ‘escandalizar’.
“Sobre ‘inveja’ não vou perder tempo respondendo. Sobre ‘escândalo’, creio que a acusação está invertida. Não sou eu quem está escandalizando os incrédulos. Segundo a Escritura, os desvios do verdadeiro Evangelho é que são ‘escândalos’”, respondeu o reverendo.
Gospel Prime
 

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Se Jesus voltasse hoje você subiria?