quarta-feira, 20 de agosto de 2014

,

Malafaia critica postura de Dilma na entrevista ao Jornal Nacional

COMPARTILHE
Nesta segunda-feira (18) os apresentadores do Jornal Nacional Patrícia Poeta e William Bonner entrevistaram a presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT.
A entrevista foi bastante comentada pelas redes sociais, e o pastor Silas Malafaia acompanhou pela TV e emitiu diversos comentários contra o governo do PT em seu Twitter, se mostrando insatisfeito com a atual presidente.
William Bonner chegou a citar durante a entrevista sobre a condenação dos principais nomes do Partido dos Trabalhadores que foram condenados no Supremo Tribunal Federal por participarem do maior escândalo de corrupção da história do país.
Dilma preferiu não responder o que achava da condenação dizendo apenas que como presidente tem que respeitar as decisões tomadas pelos chefes dos demais poderes da república (Judiciário ou Legislativo).
Malafaia não gostou da resposta vaga da presidente e reclamou no Twitter. “Como Dilma pode ser reeleita sem condenar os ladrões do PT que participaram da maior roubalheira da história política do Brasil. Nunca!”, escreveu.
Recebendo diversas mensagens de apoio e de críticas, Malafaia voltou a citar sobre as investigações que a Receita Federal fez na Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) e na Associação Vitória em Cristo (AVEC) que são presididas por ele. O pastor assembleiano garante que as investigações foram realizadas a mando do PT que tem usado órgãos federais para pressionar seus inimigos.
“Não encontraram nada porque não sou ladrão como eles. Os heróis do PT são os maiores corruptos do Brasil. Grande parte da cúpula do PT está na cadeia pela maior roubalheira da história política do Brasil Dilma não condena esses bandidos”.
Essa não é a primeira vez que o pastor Silas Malafaia fala contra o PT e o governo de Dilma Rousseff. No programa Vitória em Cristo que ele exibiu os documentos sobre as investigações da Receita Federal ele fez declarações parecidas e ainda pediu que o órgão investigasse o filho do ex-presidente Lula.
“Eu não tenho ódio do PT, tenho convicção de que não serei enganado nunca mais. Eles são contra meus princípios. É só ver o programa do partido”, disse Malafaia nesta terça-feira (19) também pelo Twitter. Gospel Prime

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Se Jesus voltasse hoje você subiria?