sábado, 21 de março de 2015

,

Tornando-se homem, estaria Jesus cometendo um pecado?

COMPARTILHE
Meus amados irmãos e irmãs, a Paz do SENHOR JESUS!!!

Graças a Deus por mais uma semana na Sua Santa Presença e por mais essa rica oportunidade de meditarmos em mais um tema da Sua Palavra e do entendimento humano.

Certa vez eu ouvi um aluno de uma classe da Escola Bíblica Dominical dizer que sua professora havia afirmado em aula que o único pecado que o SENHOR JESUS teria cometido foi o de se tornar um ser humano, como diz o dito popular, “comedor de farinha” igual a mim e a você. Mas, tornando-se um homem, um ser humano aparentemente comum, estaria o Senhor da Glória pecando?

Vejamos...

A Bíblia revela os três estados do SENHOR JESUS: (1) o estado da pré-encarnação, que consiste na Eternidade anterior vivida pelo SENHOR JESUS antes de tornar-se homem (Jo 1.1-5; 9-13; Fp 2.5,6); (2) o estado da encarnação, que consiste no vento onde Ele assume a forma humana, e mesmo assim, comportar num corpo as naturezas divina e humana ao mesmo tempo, sendo seu corpo físico, como disse o escritor da epístola aos Hebreus, como o véu do tabernáculo, que escondia a arca da aliança, isto é, o símbolo da presença de Deus entre os homens; e o corpo físico do SENHOR JESUS seria, portanto, o que não permitia aos homens ver a divindade habitante naquele corpo físico, pois, como disse o Ap. Paulo, “nele habita toda a plenitude da divindade” (Cl 2.9; Jo 1.14; Fp 2.7,8); e (3) o estado da pós-encarnação ou glorificação, quando DEUS PAI o glorifica após ressuscitá-lo, dando-lhe um corpo fantasticamente divino, com a capacidade de transcender de um ambiente a outro sem submeter-se aos limites materiais (Rm 10.9-11; Lc 24.30,31; 36-49) e assentou-se à direita do SENHOR DEUS, e de lá há de julgar tanto vivos quanto mortos (Mc 16.19.20; At 7.55,56; 2Tm 4.1).

Sendo Ele (O SENHOR JESUS) o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo (Jo 1.29), sendo enviado pelo Pai para que remisse a todos os que cressem no Seu Nome, se fazia necessário que um Sangue santo fosse derramado para remir pessoas impuras pelo pecado. Como tramita no meio teológico, se o SENHOR JESUS tivesse se despido de Sua Divindade, Seu Sacrifício jamais seria aceito diante do PAI, e se Ele tivesse cometido qualquer pecado, na cruz Ele estaria sofrendo por pecado(s) que seria(m) Seu(s), como os dois ladrões que, naquela situação, o ladeavam (Lc 23.39-41).

                O Ap. Pedro, que foi chamado pelo próprio SENHOR JESUS, o acompanhou nos três anos do Seu ministério na terra, pôde constatar que Ele ”não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano” (1Pe 2.22).

Portanto, amados irmãos e irmãs, não há lógica pensarmos que o SENHOR JESUS estaria pecando tornando-se um ser humano.

Vigiemos, pois, e não acreditemos naquilo que não está na Palavra do SENHOR.
“Tende cuidado para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradições dos homens, segundo os rudimentos do mundo e não segundo Cristo; porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade.” (Cl 2.8,9)

Por Valney Rodrigues

Colunista – Geração Jovem

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Se Jesus voltasse hoje você subiria?