segunda-feira, 24 de agosto de 2015

,

Não se iluda, ser amante é ser funcionário do inferno.

COMPARTILHE
A conversa é sempre a mesma, seja homem ou mulher, a historinha sempre se repete.



"Meu casamento não vai bem", "Minha esposa não me entendi", "Minha vida sexual é um fracasso", "Meu marido é um grosso", "Não aguento mais viver infeliz". Blá, blá, blá... Infelizmente sabemos que casamento é um desafio, viver casado é um ministério que poucos entendem o verdadeiro significado. 



Agora, viver na prática do adultério, se envolvendo com pessoas comprometidas, destruindo lares é burrice e as consequências são terríveis. Quem escolheu ser amante, sendo homem ou mulher, não adianta acreditar que Deus tem a obrigação de te abençoar. 



Deus não vai abençoar quem está na prática do adultério. Infelizmente algumas pessoas são muito cara de pau, vivem buscando revelação de Deus, para saber se uma união gerada no adultério tem chances de dar certo. Se você está nesta situação, entenda uma coisa, Deus não tem compromisso com quem destrói lares e nem ouve orações de quem vive na pratica do adultério. 



O mesmo demônio que usa uma pessoa para destruir uma família, amanhã usará outra, para destruir o lar que ele mesmo gerou. Antes de sair procurando um novo namorado ou namorada certifique-se, se a pessoa é casada ou não, se for, não empreste seu corpo para ser usado por uma pombajira e nem a sua carteira de trabalho para ser um funcionário do inferno.
 Pastor Melqui
Jornal da Assembléia de Deus - A voz do povo de Deus

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Você se sente acolhido pela congregação que faz parte?