segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

, , , ,

Correndo riscos por amar a Cristo.

COMPARTILHE
Dia 15.jpg
"Como está escrito: ‘Por amor de ti enfrentamos a morte todos os dias; somos considerados como ovelhas destinadas ao matadouro’." Romanos 8.36

Yousif Matty tem uma visão que pode matá-lo: evangelizar muçulmanos numa sociedade totalitária. Diferentemente da maioria dos líderes iraquianos, ele tem conseguido levar muçulmanos a Cristo. A Igreja Evangélica Curda, fundada por ele em 1992, tem centenas de membros, muitos deles ex-muçulmanos.

Yousif já recebeu centenas de ameaças de morte como resultado de seu ministério. Ele teve de se esconder durante quatro meses depois de ser baleado por extremistas islâmicos e ser perseguido por um grupo que queria linchá-lo. "Nada é tranquilo para um cristão no Curdistão, mesmo que você tenha licença do governo", disse ele.

O Curdistão é uma região autônoma no norte do Iraque, habitado principalmente por pessoas de etnia curda. Os curdos são tradicionalmente muçulmanos e zelam pela prática da religião em sua família. No entanto, desde o começo da guerra do Iraque, a região tem recebido e abrigado cristãos que fogem do sul do país, perseguidos por fanáticos religiosos.

Yousif quer que todos em sua sociedade encontrem Cristo. "Não somos verdadeiros cristãos se nos comprometemos somente em manter o evangelho em nosso próprio gueto".

Pedidos de oração

  • Louve a Deus pela coragem e ousadia de Yousif de pregar o evangelho a muçulmanos.
  • Peça a Deus que o proteja nesse perigoso ministério e que seu testemunho encoraje outros líderes cristãos a fazerem o mesmo.
Portas Aberta

    0 comentários:

    Postar um comentário

    FALE CONOSCO

    Nome E-mail * Mensagem *

    Você se sente acolhido pela congregação que faz parte?