domingo, 18 de agosto de 2013

Amar vs gostar!

COMPARTILHE

Existem dias que dizer te amo é muito dificil.

Amor versus Gostar. Finalmente o Senhor falou: "Simão, filho de João, amas-me mais do que estes outros? " (v. 15)
Estes o que? Bem, talvez mais do que estas coisas - o barco, os peixes, as redes, o mar, todo o negócio da pesca. Ou talvez o Senhor estivesse perguntando a Pedro se ele O amava mais que os outros discípulos. Em certa ocasião Pedro havia declarado que era mais fiel do que eles.
"Pedro, você realmente me ama? Você me ama muito7 0 Senhor usou a palavra agapào, que significa a espécie mais alta de amor, amor supremo.

Quanto tempo Pedro demorou para responder não sabemos. Mas finalmente ele disse: "Sim, Senhor, tu sabes que eu te amo". Só que usou outra palavra -philèo - que significa "gosto muito de ti".
Creio que Pedro sentisse que seu amor era grande, mas que ele era incapaz de falar disso em razão de sua desobediência. Seria ridículo dizer: "Senhor, eu te amo supremamente, mas não faço o que Tu mandas".

Certa vez eu conversava com uma criança de cinco anos. Perguntei-lhe como ele poderia mostrar a seus pais que ele os amava. "Eu poderia obedecê-los,"ele respondeu. Não se pode declarar amor supremo se na vida não houver obediência. Por isso Pedro não o declarou. Lembre-se, Pedro havia negado ao Senhor três vezes, daí Cristo ter-lhe dado três oportunidades de redimir-se. Jesus perguntou-lhe uma segunda vez: "Simão, filho de Jonas (usou o nome antigo porque ele estava agindo como o antigo Pedro), amas-me muito? (v.16).
"Sim Senhor, Tu sabes que gosto muito de Ti."

Pela terceira vez Jesus perguntou, só que desta vez, usou a palavra que Pedro usara por amar. "Simão, gostas realmente muito de mim? " (v.17) A Bíblia diz que Pedro se entristeceu. Por Jesus ter perguntado três vezes? Não, mas porque Jesus questionava o testemunho de Pedro, o nível do amor de Pedro.
"Senhor, Tu sabes todas as coisas. Sabes que eu gosto de Ti." Pedro estava pensando:"Não escuta o que eu digo - olha para o meu coração".
Quando eu era menino, pensava na doutrina da onis-ciéncia de Deus - o fato de que Deus sabe tudo a respeito de todas as coisas - como um problema terrível. Meu pai advertia: "Mesmo que nós não saibamos, Deus sabe. Ele vê tudo que você faz, Johnny". Eu pensava, por que será que Deus passaria o dia vigiando o que eu fazia?

À medida em que amadureci na minha compreensão e cresci, percebi que sou como Pedro em muitas maneiras. E há dias em que a única forma possível para Deus saber que eu O amo é pela Sua onisciência. Percebi que essa doutrina tem o seu lado positivo. Como é bom saber que mesmo em dias em que sua vida não dá testemunho claro você pode dizer:"Senhor, sinto muito pela minha maneira de agir. Oh, Senhor leia meu coração e saiba que eu O amo". Foi isso que Pedro fez.
Autor(a): John MacArthur

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Se Jesus voltasse hoje você subiria?