segunda-feira, 3 de agosto de 2015

,

Trindade: Me prove que ela existe # 2

COMPARTILHE
Meus amados irmãos e irmãs, a Paz do SENHOR JESUS!!!

Eis que Deus nos tem permitido continuarmos refletindo acerca deste assunto. Nesta semana estaremos tratando acerca da Unidade do Pai e do Filho em divindade com base no que proferiram os Lábios Sacro-Santos do SENHOR JESUS em Jo 10.30: “Eu e o Pai somos um.” Logo após ter dito isso no Templo, os judeus pegaram pedras para o apedrejarem, pois julgaram que Ele estava blasfemando o Nome de Deus Pai, fazendo-se Filho dEle, e, por conseguinte, igual a Ele; e segundo a Lei Mosaica, o que blasfemasse o Nome do SENHOR deveria ser morto apedrejado por toda a congregação (Cf. Jo 10.31-33; Lv 24.16). O detalhe é que o SENHOR JESUS não “se fez” igual ao Pai, pois Ele é igual ao Pai em Divindade desde sempre, e foi exatamente isso que Ele expressou em Jo 10.30. Os judeus não conseguiam enxergar a divindade de Cristo porque Ele não se deu a conhecer assim. Há correntes teológicas que dizem que o texto profético acerca do Messias de Is 53.2b, c (que diz: “não tinha parecer nem formosura;  e, olhando nós para Ele, nenhuma beleza víamos, para que o desejássemos”;) se trata do ato da Redenção no Calvário, no qual o SENHOR JESUS ficou desfigurado devido as sucessivas agressões desde quando foi preso no jardim do Getsêmani, enquanto outra corrente teológica diz que o texto predisse o aspecto físico do Messias. Nesta abordagem vamos adotar a segunda tese.
Partindo do pressuposto de que o Messias não era formoso à vista, podemos concluir que, fisicamente, Ele era como qualquer outro judeu, provavelmente de pele castigada pelo sol, mãos ásperas pelo trabalho com madeira, cabelos possivelmente crespos, enfim, um homem trabalhador e não muito bonito. Esse estereótipo do SENHOR JESUS é uma dedução antropológica, partindo da comparação com outros judeus, e não se trata de uma afirmação. Essas possíveis características físicas do SENHOR JESUS (ou qualquer outra que seja), isto é, a seu corpo físico, estava prefigurado no A.T. como o véu do Tabernáculo, que não permitia que o sacerdote, quando ministrasse no Lugar Santo, visse o Lugar Santíssimo, onde estava a Arca do Concerto, que era o maior símbolo da Presença Divinal do SENHOR DEUS. Ou seja, o corpo físico do SENHOR JESUS serviu para “esconder” a Sua natureza Divina, pois ninguém vê a Deus e fica vivo (Êx 33.20; ver também Mt 27.50,51; Hb 10.19,20).

Desta forma, SOARES (2009) compara Javé do A.T. e Jesus Cristo do N.T.:
Javé (A.T.)
Jesus Cristo (N.T.)
Javé é "EU SOU"
(Êx 3.13- 14)
Jesus é "EU SOU"
(Jo 8.58)
Javé é a "ROCHA"
(Is 44.8)
Jesus é a "ROCHA"
(I Co 10.4)
Javé é o "SENHOR"
(Is 45.5-6)
Jesus é o "SENHOR"
(Fp 2.11)
Javé é a "PAZ"
(Jz 6.24)
Jesus é a "NOSSA PAZ"
(Ef 2.14)
Javé é o "PASTOR"
(Sl 23.1)
Jesus é o "PASTOR"
(Hb 13.20)
Javé é a nossa "BANDEIRA"
(Êx 17.15)
Jesus é a nossa "BANDEIRA"
(Jo 3.14)
Javé é o "SENHOR DOS SENHORES"
(Dt 10.17)
Jesus é o "SENHOR DOS SENHORES"
(1Tm 6. 15)
Javé e o único "SALVADOR"
(Is 43. 11)
Jesus é o único "SALVADOR"
(At 4.12)
Javé é o "SANTO"
(Lv 19.2)
Jesus é o "SANTO"
(At 4.27)
Javé é o "VERDADEIRO"
(Jr 10.10)
Jesus é o "VERDADEIRO"
(At 3.14)
Javé é o "JUSTO"
(Sl 7.9)
Jesus é o "JUSTO"
(At 3.14)
Javé é a "VIDA"
(Dt 30.20)
Jesus é a "VIDA"
(Jo 14.6)
Javé é "SABIO"
(Jr 32.19)
Jesus é "SABIO"
(1Co 1.24)
Javé é o "PRIMEIRO E O ÚLTIMO"
(Is 44.6)
Jesus é "O PRIMEIRO E O ULTIMO”
(Ap 1.17)
Javé é "PEDRA DE TROPEÇO"
(Is 8.13-15)
Jesus é "PEDRA DE TROPEÇO"
(Rm 9.33)
Javé foi "TRANSPASSADO"
(Zc 12. 10)
Jesus foi "TRANSPASSADO"
(Jo 19.33,34)
Javé é o "PERDOADOR"
(Sl 103.3)
Jesus é o "PERDOADOR"
(Mt 9.5-6)
Javé "VIRA COM OS SANTOS"
(Zc 14.5)
Jesus "VIRA COM OS SANTOS"
(1Ts 3.13)
(SOARES, Esequias. Respostas Bíblicas as Testemunhas de Jeová. São Paulo. Editora Candeia. 2009).

Portanto, amados irmãos e irmãs, podemos concluir, pela Bíblia Sagrada, que nosso propósito foi concluído, pois a própria Palavra de Deus mostra que Pai e Filho são UM. São duas pessoas diferentes, com Suas próprias características, porém, iguais em Divindade, e indissociáveis como o Único e Verdadeiro Deus Trino que servimos.

“Porque a Palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.” (Hb 4.12)
Amém

Por Valney Rodrigues
Colunista – Geração Jovem

0 comentários:

Postar um comentário

FALE CONOSCO

Nome E-mail * Mensagem *

Se Jesus voltasse hoje você subiria?